terça-feira, 31 de agosto de 2010

Jaques Wagner em uma campanha de bom gosto (e em 3D!)

Das ruas de SP para a faculdade em Cuba

Gisele quer devolver ao Brasil tudo aquilo que aprender em Cuba. Já alguns...
Falar mal de Cuba é um dos exercícios preferidos da grande imprensa brasileira e dos integrantes do campo conservador, como José Serra. Ontem mesmo, no Jornal da Globo, Dilma foi inquirida sobre a postura do presidente Lula em relação a Cuba, e sempre que alguém defende Cuba, o oponente na discussão sempre a encerra com a indefectível e tendenciosa pergunta: Por que você não vai morar lá?
Pois é bom saber que muitos brasileiros vão morar lá em busca de oportunidades que não têm aqui. Um comentarista me chamou a atenção para uma carta, publicada no blog Balaio do Kotscho, do jornalista Ricardo Kotscho, de uma jovem brasileira, Gisele Antunes Rodrigues, de 23 anos, que foi menina de rua em São Paulo e hoje estuda medicina em Havana.
Gisele estuda com outros 275 brasileiros numa instituição voltada a estudantes de toda a América Latina. Cuba, com seus parcos recursos, é um país solidário, o que definitivamente não entra nas cabeças competitivas do mercado, que desconhece tal valor.
Mas o que me impressionou e tenho certeza que impressionará a todos é a história de Gisele e sua luta para levar adiante os seus sonhos.
Esta exemplar brasileira saiu de casa aos 9 anos por não suportar a desestrutura familiar, que incluía agressões físicas, e caiu na rua. Cheirou cola, consumiu drogas e só não se acabou numa cracolândia da vida porque teve gente que se interessou por seu destino e encontrou instituições sérias, dedicadas à recuperação e à educação de crianças de rua.
Gisele foi seguindo sua trajetória ascendente até chegar à Faculdade de Pedagogia. Quando cursava o primeiro semestre, um educador do abrigo em que se encontrava lhe informou sobre um processo seletivo para estudar medicina em Cuba. Gisele foi aprovada e desde 2007 está em Cuba. Mês que vem, começa o terceiro ano de Medicina. No total, ficará sete anos em Cuba. Seis de faculdade e um de pré-médico.
O seu relato após três anos no país é singular. Alguém que comeu o pão que o diabo amassou tem uma visão da sociedade diferente de quem nunca passou dificuldades. E o que Gisele conta é o oposto do que lemos com frequência na grande imprensa.
“Ir a Cuba foi minha maior conquista. Além de aprender sobre a medicina, aprendo sobre a vida, a importância dos valores. Antes de ir, sempre lia reportagens negativas sobre o país, mas quando cheguei lá, não foi isso que vi. Em Cuba, todos têm direito a educação, saúde, cultura, lazer e o básico pra sobreviver”, conta Gisele.
“Li em muitas revistas que o Fidel Castro é um ditador, e descobri em Cuba, que ele é amado e idolatrado pelos cubanos. Escrevem que Cuba é o país da miséria. Mas de que tipo de miséria eles falam? Interpreto como miséria o que passei na infância. Em casa, não tinha água encanada, luz, comida”, prossegue.
Gisele lembra dos tempos difíceis da infância, quando ela, seu irmão e sua mãe enganavam a fome bebendo água doce. “Então, quando abro uma revista publicada no Brasil e nela está escrito que Cuba é um país miserável, eu me pergunto: se em Cuba, onde todos têm os direitos a saúde, educação, moradia, lazer e alimento, como podemos denominar o Brasil?”
Apesar do embargo econômico sofrido por Cuba, Gisele ressalta os níveis de educação e saúde gratuitas e os indicadores positivos do desenvolvimento humano no país. “Vivenciando tudo isso, eu queria também que o Brasil fosse miserável como Cuba, como é escrito em varias revistas. Acho que o brasileiro estaria melhor e não seria tão comum encontrar tantos jovens sem educação, matando, roubando e se drogando nas ruas.”
O objetivo de Gisele é concluir a faculdade para ajudar a saúde dos brasileiros e outros jovens a realizarem seus sonhos, assim como foi ajudada. Com a consciência adqurida, pede ao povo brasileiro que nas próximas eleições “escolha a pessoa adequada pra administrar o nosso país tão injusto.”
Transcrevi aqui alguns trechos que me chamaram a atenção, mas a carta de Gisele merece a leitura integral e pode ser acessada no link do blog. É o depoimento de uma pessoa vitoriosa, que julga as coisas a partir de seus olhos e sua vivência e não do que ouve falar.
Quando Gisele se formar, daqui a quatro anos, espero que o Brasil já tenha vencido a burocracia que atrapalha o reconhecimento de diplomas universitários de outros países. Relatei na Comissão de Educação da Câmara um projeto que cria um sistema de credenciamento de cursos no Mercosul, que está pronto para ser votado  em plenário.  Com ele, estabeleceremos parâmetros que poderão ser estendidos a outros países, como Cuba.

No http://www.tijolaco.com/

segunda-feira, 30 de agosto de 2010

APLB vai à Câmara para explicar movimentos dos professores

"QUANTO MAIS CRITICAM ESMERALDA, MAIS FORTE ELA FICA, POIS AO SEU LADO TEM UM EXÉRCITO DE PROFESSORES, QUE A LABUTA DIÁRIA OS DEIXOU FORTE E CORAJOSOS. VCS SÓ BATEM NELA PORQUE ELA INCOMODA, NINGUÉM ATIRA PEDRA EM UMA ÁRVORE QUE NÃO DÁ MAIS FRUTOS, SE ELA ESTÁ SENDO AÇOITADA É PORQUE DELA AINDA SAI ALGUMA COISA. TOME CUIDADO, QUE A MULHER NÃO É FRACA, TEM OS EDUCADORES DO SEU LADO" (internauta do ozildoalves)



Está havendo alguns equívocos em relação às ações praticadas pelos professores para que o prefeito aplique a Lei e trate o educador com o respeito que a categoria merece. Desses equívocos a APLB saberá sabiamente corrigí-los. Quanto ao aumento de salário, já passou da hora de acontecer, pois dinheiro para esta finalidade já entrou nos cofres da prefeitura há muito tempo. Portanto, professor, lute pelos seus direitos e faça valer seus deveres: ensine aos seus alunos e à comunidade pauloafonsina a ser cidadãos que reinvidicam ao gestor municipal melhorias na qualidade da educação oferecida às sua crianças e aos seus jovens. Ah, andam falando que essa é uma monobra política, ô se é, e o partido está claro, só não enxerga quem está afogado nas ondas da ignorância política: partido dos educadores!

sábado, 28 de agosto de 2010

DIL+ ! A Bahia vai continuar com Jaques Wagner!


Wagner continua na frente na BA e seria reeleito sem 2º turno

Autor: Jussara Seixas
Petista alcança 47%, contra 23% de Paulo Souto e 11% de Geddel


DE SÃO PAULO



O governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), candidato à reeleição, mantém a vantagem na disputa pelo governo do Estado e, se as eleições fossem hoje, seria eleito no primeiro turno.

Segundo pesquisa Datafolha realizada nos dias 23 e 24, Wagner oscilou positivamente dois pontos percentuais e alcançou 47% das intenções de voto.

Seu principal adversário, o ex-governador Paulo Souto (DEM), manteve o patamar da pesquisa anterior, feita antes do início do horário eleitoral na TV: 23%.

O ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) oscilou um ponto e agora tem 11%.

A margem de erro é de três pontos percentuais.

Bassuma (PV), Sandro Santa Bárbara (PCB) e Professor Carlos (PSTU) têm 1% cada. Marcos Mendes (PSOL) foi citado, mas não alcançou 1% das intenções de voto.

Brancos e nulos somam 5%, e 12% dos entrevistados estão indecisos.

A primeira pesquisa Datafolha feita após o início do horário eleitoral na TV mostra também que a rejeição a Paulo Souto cresceu de 26% para 31%. Wagner mantém o patamar anterior, de 15%.

Na simulação de eventual segundo turno, Wagner amplia a vantagem. Agora ele tem 58% das citações contra 29% de Paulo Souto (54% a 32% na pesquisa anterior).

No http://blogdadilma.blog.br/


O povo está querendo que o Brasil continui DIL+ !

IBOPE: DILMA 51% SERRA 27%


Autor: Jussara Seixas

Ibope – Dilma abre 24 pontos de vantagem sobre Serra

O DataPolvo, instituto de pesquisas deste blog, informa em edição extraordinária: na pesquisa nacional do Ibope, aplicada esta semana e que será publicada amanhã pelo jornal O Estado de S. Paulo, Dilma Rousseff abriu 24 pontos percentuais de vantagem sobre José Serra. Ela subiu oito pontos percentuais nas intenções de voto. Foi para 51%. Serra caiu cinco pontos percentuais – de 32% para 27%. Marina Silva oscilou de 8% para 7%. Todos os adversários de Dilma somam 34% de intenção de voto. Ela tem 17 pontos percentuais a mais do que eles. Se a eleição fosse hoje, ganharia no primeiro turno

Blog do Noblat
No http://blogdadilma.blog.br/

sexta-feira, 27 de agosto de 2010

“Como posso orientar os meus alunos a serem cidadãos críticos, sabedores dos seus direitos e deveres na sociedade, enquanto eu como educadora sou privada de falar o que penso, reivindicar os meus direitos de forma democrática?"


Descaso do prefeito para com a educação




                                                NOTA PÚBLICA

APLB / SINDICATO DELEGACIA HIDROELÉTRICA


Nós, Profissionais da Educação Pública Municipal, vimos tornar público o resultado da reunião do governo municipal, dizendo que convidaria o Sindicato somente após as eleições de outubro. O Sindicato e a comissão retirada da categoria na manifestação de 24 de agosto saíram indignados com a forma que o Prefeito se manifestou. No mesmo dia realizamos assembleia, e a categoria não aceitou a resposta do prefeito.
Foi decidido paralisar nos dias 25 e 26 de Agosto, com passeatas nos bairros e Centro de Paulo Afonso. Porém, os Profissionais da Educação sofreram retaliações e foram intimidados por alguns diretores; O governo, demonstrando tamanha falta de compromisso com a Educação, substituiu professores com pessoal de secretaria, merendeira e até vigilante, mostrando que pode tudo, inclusive brincar com a Educação.
Por motivo de esclarecimento, é bom lembrar que os dirigentes sindicais fazem manifestações mediante aprovação da categoria. Os profissionais da Educação, presentes no evento do governador, não foram protestar, porque se desejassem isto, estariam presentes na Praça das Mangueiras, conforme divulgação do Sindicato. Infelizmente, quem depende de quem está no poder, deturpa a política sindical para destruir o movimento social organizado, estes são os “fazedores de notícias”.

Para finalizarmos, citaremos partes de um texto chamado manifesto de uma educadora:

“Como posso orientar os meus alunos a serem cidadãos críticos, sabedores dos seus direitos e deveres na sociedade, enquanto eu como educadora sou privada de falar o que penso, reivindicar os meus direitos de forma democrática? Porém hoje, para minha surpresa vejo todas elas de forma sutil e delicada, tentando abafar o grito daqueles que aprenderam a pensar, a refletir, questionar e lutar pelos seus direitos...”
“Em meio a tudo isso, grito em silêncio: - vocês também são professores!! Todos os governantes, não importa o partido, são semelhantes como as ondas do mar...vão e vêm, e vêm e vão... E nós continuamos a nossa jornada, sendo... Professores.”

Uma coisa leva a outra e nós vamos ajudar o Brasil a seguir em frente: nosso voto é DIL+ !

Jaques Wagner e Lula são DIL+ !


“Para os que duvidaram que uma mulher poderia ser presidente do Brasil ou que um peão não poderia ser presidente do Brasil, temos que gritar que esse projeto não pode parar”, disse Wagner, acrescentando que a eleição de Dilma representa a quebra de um tabu. “Homens e mulheres são diferentes, mas o homem não é melhor que a mulher, nem a mulher melhor que o homem.”

quarta-feira, 25 de agosto de 2010

Lula pendura preconceito e "complexo de viralata" no pescoço dos poderosos

 

 

 

 

 

 

 


A favor de quem trabalha a imprensa brasileira? Do Brasil é que não é! Que golpista!!!

 

Ninguém mais precisa dizer o que devemos pensar, como devemos votar, o que é melhor para nós. A liberdade de imprensa e de expressão não tem mais meia dúzia de donos. É um direito conquistado por todos nós.”        
                                                                                                                                     ( Ricardo Kotscho)

E José Serra?! Que cara de pau, hein?!

Depoimentos, atitudes e opiniões de José Serra (PSDB/SP) durante a crise internacional de 2008/2009, mostra que se ele fosse o presidente da República, na época, teria quebrado o Brasil pela 4ª vez (*).

Observe no vídeo como Serra diz que o governo estava fazendo tudo errado, e que ele previu como certo que em 2010 viria o caos.

Depois que a marolinha passou, em debate recente no portal UOL, o demo-tucano cometeu a picaretagem de mentir como se tivesse feito, como governador, o que Lula fez como presidente. Trata-se de uma impostura, pois o vídeo comprova que ele não fez nada do que disse, e ainda falou no ano anterior que Lula estava fazendo tudo errado.

(*) Serra ajudou a quebrar 3 vezes o Brasil durante o governo FHC, quando ele foi Ministro de Planejamento, conselheiro, homem forte, e escolhido para sucessor daquele desgoverno. 

Extraído do http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/

Ninguém mais precisa dizer o que devemos pensar, como devemos votar, o que é melhor para nós. A liberdade de imprensa e de expressão não tem mais meia dúzia de donos. É um direito conquistado por todos nós.” ( Ricardo Kotscho)

Ricardo Kotscho, Balaio do Kotscho

Foram-se os tempos em os barões da grande mídia brasileira faziam ou derrubavam presidentes e se julgavam os verdadeiros donos do poder, os formadores de opinião, os únicos proprietários da verdade. Durante os últimos oito anos, desde a primeira eleição de Lula, não fizeram outra coisa a não ser mostrar em suas capas e manchetes um país desgovernado, sempre à beira do abismo.
Em cada estatística divulgada, procuravam destacar sempre o lado negativo, sem se dar conta de que a vida dos brasileiros estava melhorando em todas as áreas, e os cidadãos eleitores percebiam isso.
Fechados em seus gabinetes e certezas, longe do país real, imaginavam que desta forma ajudariam a eleger o candidato da oposição em 2010. Fizeram a sua parte, é verdade, anunciando uma crise do fim do mundo atrás da outra, batendo no governo dia sim e no outro também, mas não deu certo de novo.
Em reunião da Associação Nacional dos Jornais, a presidente da entidade, Judith Brito, chegou a dizer com todas as letras que, na falta de uma oposição partidária, era preciso a imprensa assumir este papel, como de fato fez. Os líderes demotucanos acharam que isto seria suficiente para derrotar Lula e a sua candidata. Acreditarem que o apoio da mídia poderia fazer a diferença, decidir o jogo a seu favor. Que bobagem!
Até a última semana, antes da divulgação das novas pesquisas, o noticiário ainda alimentava o discurso da oposição numa operação casada contra o governo e a sua candidata. Como a vaca da campanha tucana caminhou inexoravelmente para o brejo, num lance desesperado para tentar virar o jogo, José Serra procurou associar sua imagem à de Lula no programa de televisão. Aí foi a vez dos seus aliados na mídia darem um basta e jogarem a toalha: assim também não…
Quem sabe agora tenham a humildade e o bom senso de reconhecer que acabou a época dos formadores de opinião abrigados na grande imprensa, que perde circulação e audiência a cada dia. Novos meios e novos agentes multiplicaram-se pelo país, democratizando a informação e a opinião.
Ninguém mais precisa dizer o que devemos pensar, como devemos votar, o que é melhor para nós. A liberdade de imprensa e de expressão não tem mais meia dúzia de donos. É um direito conquistado por todos nós.”
http://nogueirajr.blogspot.com/
No http://blogdadilma.blog.br/

Para o Brasil seguir mudando, educação é fundamental

NÃO A GUERRA DOS SEXOS.... ...SIM AO COMPANHEIRISMO!

Dilma, segundo o Sensus, abriu vantagem superior a 15 pontos, junto ao eleitorado feminino, e superior a 20 pontos, entre os homens.

Eleitorado feminino
Dilma 42,9%
Serra 27,4%

Eleitorado masculino
Dilma 49,4%
Serra 28,7%

http://www.brasiliaconfidencial.inf.br/?p=20451

Quem nega o passado não tem futuro

Getúlio e Lula: o mesmo combate


Há pouco mais de meio século – em 1954 -, em um dia 24 de agosto, morria Getúlio Vargas, o mais importante personagem da história brasileira no século passado. Ele havia sido antecedido na presidência do país por Washington Luis (como FHC, carioca recrutado pela elite paulista), que se notabilizou pela afirmação de que “A questão social é questão de polícia”, que erigiu como brasão de seu governo, produto da aliança “café com leite”, das elites paulista e mineira (essa que FHC queria reviver).
Getúlio liderou o processo popular mais importante do século passado no Brasil, dando inicio à construção do Estado nacional, rompendo com o Estado das oligarquias regionais primário-exportadoras, e começando a imprimir um caráter popular e nacional ao Estado brasileiro.
Um país que tinha tido escravidão até pouco mais de 4 décadas – o ultimo a terminar com a escravidão nas Américas – , que significava que o trabalho era atividade reservada a “raças inferiores”, passava a ter um presidente que interpelava os brasileiros no seu discurso com “Trabalhadores do Brasil”. Fundou o Ministério do Trabalho, deu inicio à Previdência Social, fazendo com que a questão social passasse de “questão de policiai”, a responsabilidade do Estado.
Começou a aparelhar o Estado para ser instrumento fundamental na indução do crescimento econômico que, junto às políticas de industrialização substitutiva de importações, deu inicio ao mais longo ciclo de expansão da história do Brasil. Promoveu a expansão da classe operária, criou as carreiras públicas no Estado, impulsionou a construção de um projeto nacional, de uma ideologia da soberania nacional, organizou um bloco de forças que levou a cabo o processo de industrialização, de urbanização, de modernização do Brasil.
Getúlio pagou com sua vida a audácia da fundação da Petrobrás, no seu segundo mandato. Foi vítima dos tucanos da época, com o corvo mor Carlos Lacerda como golpista de plantão. Tal como agora, detestavam tudo o que tivesse que ver com o povo, com nação, com Estado. Resistiram à campanha “O petróleo é nosso”, como entreguistas e representantes do império norteamericano aqui. A direita nunca perdoou Getúlio.
Os corvos daquela época – tal como os de hoje – desapareceram na poeira do tempo. Seu continuador, FHC, afirmou que ia “virar a página do getulismo”, porque sabia que o neoliberalismo seria incompatível com o Estado herdado do Getúlio. Fracassou seu governo e o projeto de Estado mínimo dos tucanos.
A figura de Getúlio permanece como referência central do povo brasileiro e se revigora com o governo Lula. Com a consolidação da Petrobrás, com a retomada do papel do Estado indutor do desenvolvimento econômico, da afirmação dos direitos sociais dos trabalhadores e da massa da população.
São Paulo, que promoveu uma tentativa de derrubada do Getúlio em 1932 – movimento caracterizado por Lula como uma tentativa de golpe -, promove Washington Luis e o 9 de Julho (de 1932), com nomes de avenidas, estradas e ruas, mas não tem nenhum espaço público importante com o nome do Getúlio. Não por acaso São Paulo representa hoje o ultimo grande bastião da direita, das forças e do pensamento conservador, no Brasil.
Getúlio foi um divisor de águas na história brasileira, como hoje é Lula. Diga-me o que pensa de Getúlio e de Lula e eu te direi quem você é politicamente. O dia 24 de agosto encontra o Brasil reencontrado com o Estado nacional, democrático e popular, com a soberania na política externa, com o regaste do mundo do trabalho, com mais uma derrota da direita. O fio condutor da história brasileira passa pelos caminhos abertos e trilhados por Getúlio e por Lula.
Por Emir Sader
No http://blogdadilma.blog.br/

terça-feira, 24 de agosto de 2010

Vamos fazer parte da história e eleger a 1ª Mulher Presidenta do Brasil!

É isso aí, Dilma! Estamos com você!

CNT/Sensus: Serra fica pela primeira vez abaixo de 30%

CNT/Sensus: Dilma aparece com 46% e Serra com 28,1%
24 de agosto de 2010 • 10h46
do Terra
Pesquisa do Instituto Sensus encomendada pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) apontou nesta terça-feira (24) liderança de Dilma Rousseff (PT) na corrida presidencial. Ela registra 46% da preferência do eleitorado, enquanto José Serra (PSDB), seu principal adversário na disputa pelo Palácio do Planalto, tem 28,1%. A ex-ministra Marina Silva (PV), por sua vez, aparece com 8,1% dos votos, conforme o levantamento.
Na pesquisa anterior CNT/Sensus, divulgada no dia 5 de agosto, Dilma aparecia com 41,6%, Serra tinha 31,6% e Marina aparecia com 8,5% dos votos.
Encomendada pela Confederação Nacional do Transporte, a pesquisa foi realizada entre os dias 20 e 22 de agosto, com dois mil entrevistados, e registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) em 18 de agosto de 2010, sob o número 24903/2010. A margem de erro é de 2,2 pontos percentuais para mais ou para menos.

Somente quem não precisa não compreende o valor do "Bolsa Família".

Para mulher de Serra, “Bolsa Família” é o “Bolsa Vagabundagem”


    O marido certamente discorda dela


    Saiu no Valor, pág. A11, de titulo “Mônica Serra corrige crítica ao Bolsa Família”.

    Está lá: “… pouco antes de criticar o programa ‘Bolsa Família’. ‘As pessoas não querem mais trabalhar, não querem assinar carteira e estão ensinando isso para os filhos”.

    Como disse aquele amigo mineiro: o Serra vai vender o Bolsa Familia à Wal Mart.
    NavalhaEm tempo: no texto do Valor não se sabe como a sra. Serra “corrigiu” o que disse sobre o Bolsa Vagabundagem.
    Sabe-se que Fernanda Richa, mulher do candidato tucano no Paraná, Beto Richa, “o programa será mantido, mas por um período, ATÉ QUE A PESSOA TENHA PROMOÇÃO SOCIAL” (ênfase minha – PHA).
    Aí é que reside o perigo, amigo navegante.
    No “ATÉ QUE” e na “PROMOÇÃO SOCIAL” .
    Paulo Henrique Amorim 
    No http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2010/08/23/para-mulher-de-serra-%E2%80%9Cbolsa-familia%E2%80%9D-e-o-%E2%80%9Cbolsa-vagabundagem%E2%80%9D/

    O VithaMulher entrou na brincadeira do Confersa Afiada

    Concurso “Bye-bye Serra forever”.

    Vote na melhor charge


      Vote na melhor charge!

      O Conversa Afiada também é Cultura !

      E resolveu instituir o Concurso “Bye-bye Serra forever” para incentivar os navegantes chargistas.

      O amigo navegante pode enviar novas charges – isso é um concurso aberto, sem regras fixas.

      E votar nos números embaixo das charges, através dos comentários desse ordinário blog.

      (O voto não é secreto. O Graeff sempre poderá saber em quem você votou. O Daniel Dantas também.)

      Não se iniba.

      Vote !
      Para votar entre no http://www.conversaafiada.com.br/cultura/2010/08/23/concurso-%E2%80%9Cbye-bye-serra-forever%E2%80%9D-vote-na-melhor-charge/

      Atenção trabalhadoras e trabalhadores, a TVT é nossa!

      Trabalhadores conquistam sua liberdade de imprensa com canal de TV

      Os trabalhadores do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, conquistaram seu canal de TV após 30 anos de sonho.

      Como a liberdade de imprensa existe na constituição, mas a liberdade é do dono do canal da TV, os trabalhadores do ABC só agora conquistaram sua liberdade.

      O prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), afirmou que a TVT nasce para ocupar uma lacuna na programação: “Não iremos tirar o lugar de ninguém, mas queremos dar voz àqueles que não têm espaço”.

      A inauguração do canal foi na noite de segunda-feira, em São Bernardo do Campo (SP), com a presença do presidente Lula.

      O presidente criticou a lentidão com que os governos anteriores trataram o primeiro pedido de concessão da TVT, feito no final da década de 1980:

      “Não seria justo que em um país como o nosso, com uma democracia cada vez mais sólida e madura, que sindicato e movimentos sociais continuassem impedidos de exercer a liberdade utilizando suas próprias emissoras de TV”, disse.

      O presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Sérgio Nobre, pontuou que a concessão não teria saído da gaveta sem o empenho do governo atual. “Foram 25 anos de muita luta, e a história do presidente Lula foi fundamental para a consolidação desse projeto”.

      O presidente Lula lembrou que colocar a TV no ar foi uma conquista, mas é preciso convencer o público a assistir a programação. A TV inicia com alguns programas de produção própria, e preenche a grade com programação da TV Brasil e das TVs públicas, mediante convênio. (Com informações do ABDC Maior)


      Como sintonizar a TV dos Trabalhadores:

      Canal 48 UHF no ABC e Grande São Paulo.
      Canal 46 em Mogi das Cruzes e Alto Tietê.
      TV a Cabo no ABC - ECO TV- canais 96 (analógico) e 9 (digital) NET.
      TV a Cabo em São Paulo – TV Aberta – canais 9 e 72 TVA (analógico) NET e 186 (digital) TVA.

      Para assistir pela internet:

      http://www.tvt.org.br/

      STJ julga suposta fraude na compra da Rede Globo (Parte 1 de 4). Exibido...

      Reportagem mostrou documentos falsificados na compra da TV Globo SP

      Na terça-feira, dia 24, o STJ julga se a família Marinho mantém a posse da TV Globo-SP, diante da acusação de que os documentos da compra foram falsificados.

      A arqui-inimiga da Globo, TV Record, levou ao ar, em 2009, reportagem mostrando documentos falsos usados na compra da TV Globo-SP, que fazem parte do processo.

      A reportagem também enfatizou e outras "fraudes" jornalísticas da emissora.





      segunda-feira, 23 de agosto de 2010

      O DataSerra dá a vitória de Dilma como certa. Essa é DIL+ !

       Jornal tucano assessor de José Serra, joga a toalha e ja fala em, O Brasil pós-Lula

      Mantida a tendência dos últimos Datafolha, teremos ao menos mais quatro anos de lulismo e do PT. Agora, com Dilma Rousseff.
      Nada surpreendente em um país que viveu uma importante distribuição de renda nos últimos oito anos. Já recuperamos o ritmo de diminuição das desigualdades de antes da crise de 2008/2009.
      Somados, são mais de 14 milhões de novos empregos formais, 30 milhões saindo da pobreza, mais crescimento e sensação de bem estar entre os mais pobres.
      Com o real valorizado por conta de juros ainda altíssimos (que atraem milhões de dólares de especuladores de fora), bens de consumo e produtos dos sonhos da classe emergente (TVs planas, celulares e carros) estão baratos e inundam o mercado.
      Para um país desigual e pobre, o efeito é monumental. Na hora do voto, o eleitor não pensa em outra coisa.
      Seu pior pesadelo é voltar a um passado de renda e de poder de compra muito limitados. De resto, algo penoso para quem vive e trabalha com esforços diários e sonhos.Numa democracia de massas pobres, o preço da pobreza é esse: qualquer coisa é alguma coisa.
      No Brasil de Lula, o Estado entrou pela primeira vez pela porta da frente de muitas casas. E veio com um cartão do Bolsa Família, ou com um emprego inédito. Dinheiro vivo no fim do mês.
      Quanto o Zé entende disso?
      O tucano entrou no jogo sem reconhecer avanços verdadeiros. Pior, sem deixar claro que tudo isso tem um limite orçamentário. OK, dá trabalho explicar.
      Mas o fato de esconder FHC é estarrecedor na frágil posição em que Serra se encontra: o ex-presidente entendeu como poucos o que tínhamos pela frente. Apesar de erros imensos, acertou no principal.
      Vá ao Youtube e digite: "Zélia/entrevista/Plano Collor". Dá uma ideia do que tínhamos antes do real.
      Para Lula e Dilma, não foi difícil elevar estatísticas e rendas quando elas estavam próximas de zero. Saltos, daqui em diante, serão muitíssimo mais difíceis.
      Mas o Brasil tem oportunidades únicas à frente.
      As duas áreas mais ricas do mundo (EUA e a zona do euro) devem ficar estagnadas por anos. Uma década, talvez. Nessa quadra, a China já é a segunda economia do mundo.
      E o Brasil?
      A Folha noticia que Dilma já pensa em um ajuste. Corte de gastos, redução da meta de inflação, outros meios para financiar o BNDES.
      Não há país que tenha crescido e distribuído renda fora da ortodoxia nas contas públicas.A ver o que nos espera. Fernando Canzian
      Extraído do http://osamigosdopresidentelula.blogspot.com/

      Lula aposta em Pinheiro e Lídice pra ajudar a Bahia e o Brasil a seguir em frente.

       

      Em público, o presidente pede votos em comícios para sua pupila e também para os candidatos ao Senado alinhados com o governo. Para sensibilizar as platéias, Lula não se cansa de recordar que, ao derrubar a CPMF, a oposição o privou de injetar R$ 40 bilhões na saúde.

      "A única coisa que interfere com meu aprendizado é a minha educação." (Albert Eisntein)

       
      "A principal meta da educação é criar homens que sejam capazes de fazer coisas novas, não simplesmente repetir o que outras gerações já fizeram. Homens que sejam criadores, inventores, descobridores. A segunda meta da educação é formar mentes que estejam em condições de criticar, verificar e não aceitar tudo que a elas se propõe." (Jean Piaget)

      "Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela, tampouco, a sociedade muda." (Paulo Freire)

      MST:assista o filme e conheça um pouco sobre as origens e os motivos da tão sacrificada luta pela terra no Brasil.

      domingo, 22 de agosto de 2010

      O choro inconformado da "RAINHA DA MASSA CHEIROSA" Eliane Castanhêde, do PIG (Partido da Imprensa Golpista), da base aliada do candidato à presidência José Serra.

      "Acabou. E daí? [...] Se Serra ganhasse, todos dariam um jeito de se acomodar e de ampliar as bases de apoio. Mas deve perder, e os ratos já começam a pular do barco. Como o navio Lula/ Dilma está com superlotação, pode ter muito rato morrendo afogado." (ELIANE CANTANHÊDE - colunista da Folha/Serra de São Paulo)

      DIL+ essa notícia, não acham?

      "Quem sabe faz a hora, não espera acontecer" (Geraldo Vandré)

      Paralisação da Rede Municipal de Paulo Afonso
      Atenção Profissionais da Educação da Rede Municipal de Paulo Afonso, a APLB-Sindicato convoca todas e todos para a PARALISAÇÃO no dia 24/08/2010 às 8 horas, a concentração será na Sede da APLB.
      Data: 21/08/2010
      Fonte: APLB - Sindicato Delegacia Hidroelétrica de Paulo Afonso

      Olhem só em que o presidenciável José Serra é experiente! E a Globo, hein, quanta isenção!

      Por sexo é gostoso de qualquer maneira... e grávidos então...

      Sexo na gravidez pode ser uma delícia; desde que..
      Acostume-se aos novos contornos e explore um novo tipo de prazer

      Por Minha Vida

      Durante a gravidez, o corpo ganha novos contornos, a pele e os cabelos ficam diferentes, um turbilhão de hormônios e emoções passa pela futura mãe. Essa avalanche de novidades tem efeitos também na vida sexual para melhor, quase sempre. Se não há recomendações médicas contra o sexo o que pode acontecer caso a gravidez esteja sob risco não há razão para deixar de aproveitar.

      Por causa dos hormônios, a maioria das mulheres fica mais excitada nessa fase. Como a preocupação em prevenir a gravidez (ou conseguir engravidar) já foi para o beleléu, é mais fácil se soltar. Quer mais? Os seios maiores, quadris mais arredondados e aquele brilho que toda grávida tem na pele, nos cabelos e nos olhos costuma deixar a auto-estima lá em cima.

      Se o momento está sendo especial para o casal, rola mais carinho e intimidade para celebrar o novo vínculo. Ou seja: o sexo fica ainda melhor. Mas algumas travas talvez atrapalhem. Nem sempre a nova forma agrada e os quilos extras podem incomodar, matando a sensualidade. Em mulheres com gestação saudável, o maior determinante para manter vida sexual ativa e prazerosa durante todo o período é o fato de sentir-se bem em relação ao corpo , afirma Jaqueline Brendler, médica obstetra e terapeuta sexual.

      Mitos e medos também podem causar desconfortos. Como, por exemplo, que o bebê vai ser incomodado pela penetração o que é absolutamente impossível de acontecer. Para todas essas dúvidas, vale conversar com o obstetra. A gravidez também pode parecer sagrada a alguns homens, que podem ficar com o desejo sexual em baixa. Se é o caso do seu par, uma boa conversa com um terapeuta sexual pode indicar soluções.

      Ser vaidadosa e cuidar do corpo é importante para manter a auto-estima e a sensualidade em alta. Também ajuda aproveitar os meses antes do bebê chegar para curtir o parceiro, planejando programas a dois e viagens de fim-de-semana românticas. Lembre-se de que, depois do parto, o casal vai virar uma família, e as atenções com o bebê vão dividir o tempo que antes era apenas para vocês dois. Por isso, aproveite bastante. A proximidade reforça os vínculos que tornam a gravidez especial e o pós-parto mais tranqüilo. 
      do http://msn.minhavida.com.br/conteudo/990-Sexo-na-gravidez-pode-ser-uma-delicia-desde-que.htm

      Sexo na gravidez para os homens

      Escrito para o BabyCenter Brasil
      Aprovado pelo Conselho Médico do BabyCenter Brasil

      Estamos "grávidos". Isso afeta minha vida sexual?

      Alguns homens consideram o sexo durante a gravidez extremamente excitante; outros, no entanto, nem querem ouvir falar do assunto. Ambos os casos são perfeitamente normais e dependem de uma série de fatores. Uma coisa é certa: a vida sexual muda na gestação.


      O sexo pode machucar o bebê?

      Talvez o motivo mais comum para homens (e mulheres) diminuírem a frequência sexual é o medo de machucar o bebê. Se você estiver preocupado com isso, esqueça. Seu filho está bem protegido pelo líquido amniótico, e, a menos que o ato sexual seja extremamente bruto, quase não há chances de machucar a mãe ou o bebê. Em algumas circunstâncias, como em casos de placenta prévia ou histórico de abortos espontâneos, os médicos aconselham os casais a não manter relações sexuais com penetração por algum tempo.


      E se minha parceira e eu tivermos formas diferentes de encarar o sexo nesta fase?

      Mudanças da libido durante uma gestação são comuns tanto para homens como para mulheres. É possível que no primeiro trimestre da gravidez você sinta mais desejo do que nunca. Para muitos homens, o fato de engravidar uma mulher representa uma espécie de confirmação de sua própria masculinidade. Além disso, alguns futuros papais sentem uma conexão especial com suas parceiras, e essa proximidade é, em muitos casos, manifestada através do sexo.

      Para outros homens, no entanto, o primeiro trimestre (e talvez a gravidez inteira) é um momento de menor desejo sexual, com o corpo da mulher menos divertido e atraente. Há também a constatação de que, quando a gestação terminar, a parceira terá se tornado mãe, algo que encaram como não necessariamente sexy.

      À medida que os meses passam, as diferenças de apetite sexual entre os parceiros podem continuar. A maioria dos homens tende a gostar das novas curvas da mulher, mas muitos também consideram a barriga em crescimento e os seios vazando nada tentadores.

      Uma coisa importante de se ter em mente é que o conforto da mulher tende a estabelecer o ritmo sexual do casal nesta fase. Sua parceira poderá se sentir mais livre e disposta para o sexo agora que não precisa se preocupar com métodos anticoncepcionais. A idéia de ter criado uma vida junto com você também pode ser estimulante para ela.

      Por outro lado, grande parte do primeiro trimestre da gestação poderá ser marcado por náusea e enjôos. Às vezes há ainda a preocupação em machucar o bebê ou simplesmente o temor por parte dela de estar gorda demais.


      O que fazer para manter uma vida sexual saudável?

      A resposta é simples: mantenha um bom canal de comunicação, que permita a cada um de vocês expressar seus desejos e temores. Também uma oportunidade de expandir os horizontes sexuais, principalmente no final da gravidez, quando certas posições, como o "papai-e-mamãe", podem ser desconfortáveis ou até impossíveis. Tente variar de posição, experimentando, por exemplo, deixar a mulher por cima, ficar lado a lado ou fazer a penetração vaginal por trás.

      Agora, caso o sexo com penetração não esteja sendo prazeroso, transporte-se para aquelas épocas do começo de sua vida sexual, quando se fazia de tudo menos chegar aos "finalmentes". Não era gostoso? Então, lembre-se de que masturbação, sexo oral e vibradores podem ser tão estimulantes quanto sexo com penetração.
       Do http://brasil.babycenter.com/pregnancy/pais/sexo-na-gravidez/

      Os bonitinhos que me desculpem, mas PEGADA É FUNDAMENTAL!

      Sexo
      Sexo

      69 dicas de arromba para fazer sua mulher delirar na cama

       

      Conquista sua parceira com posições e dicas sedutoras 

       

       

      Por Minha Vida

      Se a comunicação entre homens e mulheres já é complicada no dia-a-dia, imagine entre quatro paredes, quando o blablablá é o que menos importa. E aí, meu caro, haja paciência para adivinhar o que está ou não agradando na cama - isso, claro, considerando que você ainda não levou um belo pé no traseiro em resposta ao desempenho amador.

      É, as mulheres são cruéis. A não ser que estejam muito apaixonadas, dificilmente vão te dar uma segunda chance se, na estréia, você não conseguir gerar níveis apocalípticos de prazer. Ficou tenso? Não precisa. Minha Vida reuniu um time de moças muito bem resolvidas na cama e perguntou o que não pode faltar numa transa inesquecível. O bate-papo rendeu 69 dicas quentíssimas, que você confere a seguir.

      1. Massagem é uma delícia, mas detesto ter que pedir. Gosto quando ele me vira de costas e começa fazendo carinho no pescoço, com as pontas dos dedos e, aos poucos, vai usando a mão toda para massagear toda a parte de trás do meu corpo.

      2. Adoro sentir a língua do meu namorado, passeando por todo o meu corpo. Saber intercalar movimentos suaves a outros mais rápidos é fundamental.

      3. Um elogio, feito na hora certa, acende qualquer transa. A gente fica horas pensando na lingerie que vai usar com o cara, elogiar é o mínimo que ele pode fazer.
      Homem tem que ter pegada e saber o que está fazendo
      4. Tomar a inciativa de apagar ou diminuir a luz é legal, principalmente no começo. Fico mais à vontade e consigo me envolver melhor. Sei que os homens preferem transar com as lâmpadas acesas, então valorizo quando algum deles presta atenção e cede para me agradar.

      5. Fazer surpresas é sempre divertido. Gosto quando ele oferece algum acessório para a gente usar, juntos. Mas isso tem que acontecer sem pressão, já teve situações em que recusei o brinquedinho que ele inventou de comprar.

      6. Homem tem que ter pegada e saber o que está fazendo. Perguntar se pode tirar a blusa, se pode pôr a mão aqui ou ali azeda completamente o clima.

      7. Cama? Haja paciência para ficar só por ali. Gosto quando meu namorado toma a iniciativa e propõe uns lugares ousados para a gente ficar junto.

      8. Ter criatividade na hora de colocar a camisinha é muito legal. Já fiquei com caras que fingem não lembrar dela e eu tenho que perguntar se ele tem. Isso corta o barato. Seria muito mais legal ele pegar e me conviar para colocar junto com ele.  
      Sexo
      9. Língua e dedo formam uma combinação mágica. Mas o cara precisa ter paciência e entender os exercícios como um aquecimento. Como todo preparo, só indo com calma para fazer efeito sem machucar.

      10
      . Uns bons apertões no bumbum e nos seios são uma delícia. Mas cada um a seu tempo, sem parecer que você vai virar fumaça daqui a pouco. Os dois precisam curtir os amassos.

      11
      . Mulher sofre para fazer depilação, os caras deveriam seguir o exemplo e, pelo menos, dar uma parada nos pêlos. Adoro quando percebo que ele tomou esse tipo de cuidado.

      12. Interromper tudo para ir ao banheiro é o fim do mundo, eles precisam entender que demoramos para pegar embalo. Por isso, é melhor aproveitar a temperatura mais caliente.

      13
      . Quando o cara conhece umas posições diferentes e ensina como ficar nelas, acho o máximo. Sinto segurança e me entrego completamente.

      14
      . Perco os sentidos quando meu namorado me coloca de costas e começa a dar uns puxõezinhos de leve no meu cabelo. Mas tem que ter cuidado para não me deixar com dor-de-cabeça.  
      15. É muito gostoso quando ele começa a falar umas bobagens no meu ouvido, principalmente quando eu tenho que responder, seja com palavras ou com algum gesto.

      16.
      Deixar umas bebidas à disposição é muito bom. Às vezes, estou me sentindo meio travada e, basta tomar uns goles, que tudo se resolve.

      17
      . Fico excitada quando ele dá um jeito de me irritar, critcando alguma coisa que fiz ou reclamando do tempo que demoro para me vestir, por exemplo. A gente briga feio e, de repente, ele me agarra e tudo se resolve.

      18
      . Pequenas mordidinhas, em lugares onde não consigo enxergar, me deixam louca. Atrás da coxa, no bumbum e nas costas, perto do ombro, são meus lugares favoritos.

      19. Adoro quando ele esfria a boca com umas pedras de gelo e, depois, vem me beijar. O choque de temperatura entre minha pele e a língua dele me deixa toda arrepiada.

      20. Gosto quando ele faz mil peripécias nas preliminares e, depois de abusar da criatividade, coloca uma venda nos meus olhos e me obriga a ficar quietinha, esperando que ele tome conta da situação.

      21
      . Uma vez, meu namorado amarrou minhas mãos e não me deixou fazer nada, nem tirar a roupa. Ele fazia tudo bem devagarinho, demorando uma hora para abrir cada botão da minha blusa. Nem preciso dizer que, quando não restava mais nada e ele me soltou, parti para cima com o maior tesão do mundo.

      22. Escolher a música certa é aposta garantida para um clima fervilhante. Mas nada daquela chateação de ficar trocando o CD ou pulando os arquivos, o cara precisa pensar nisso tudo antes e já montar uma seleção na ordem correta.  
      23. Esquentar o clima numa banheira com água bem morninha é muito bom. Ajuda a relaxar e transforma até um papai-e-mamãe numa brincadeira superinteressante.

      24. Ganhar carinho depois de tudo é muito bom, fico me sentindo querida e ainda mais desejada. O cara mostra que não é homem para uma noite só e isso me incentiva a pensar em maneiras de incendiar nossas ficadas.

      25.
      Adoro usar espartilho, porque me sinto mais sensual. Acho incrível quando meu namorado vai tirando cada peça e comentando, no meu ouvido, como fico bem com elas.

      26. Com as luzes totalmente apagadas, enlouqueço quando ele resolve brincar de esconde-esconde. No nosso jogo, quem conseguir encontrar o outro tem a direito a fazer um pedido que será atendido imediatamente.

      27. Joguinhos de sedução sempre me deixam mais acesa. Às vezes, marco de sair com meu namorado e, durante o caminho, ele fica me mandando mensagens picantes pelo celular. Na maioria das vezes, demoramos um pouco para pôr os pés fora de casa.

      28. Fomos jantar na casa dos pais dele contra minha vontade, porque detesto minha sogra. Mas, mal sabia, que ele tinha me reservado uma surpresa. No meio da noite, demos um jeito de escapar para o quarto que era dele na infância. Lá, ele tinha montado um esquema genial, com um monte de flores espalhadas na cama e no chão. Acho que nunca senti tanto apetite na minha vida.

      29. Filmes pornôs normalmente são insuportáveis, mas uma boa hsitória erótica é sensacional para ativar a libido. Normalmente, elas rendem boas inspirações para o resto da semana.

      30
      . Para a transa funcionar, o cara tem que olhar nos meus olhos. Se ele fica disfarçando, acho que ele está com o pensamento nas nuvens e não consigo me envolver. E, fechar os olhos, só quando já está quase chegando lá.  
      31. Apimentar o sexo oral é sempre legal, gosto quando o cara chupa um drops extra-forte e, depois, toma um gole de água. É parecido com gelo, mas um pouco mais excitante.

      32. Passar uma camada bem fininha de óleo de massagem (e transar com ele espalhado pelo corpo) é de enlouquecer. Mas tem que ser aqueles produtos cheirosinhos, ou a gente se sente um verdadeiro pote de margarina.

      33.
      Na hora h, gosto quando o cara comenta (em voz baixa), como é gostoso o movimento que estou fazendo. Esse tipo de elogio faz com que eu me empenhe ainda mais para agradar.

      34. Vou ao delírio quando, antes de tirar minha calcinha, o cara fica brincando com ela. Vale puxar as alcinhas, brincar com os lacinhos, puxar para um dos lados, acho que é uma das coisas que mais me deixa excitada.

      35.
      Dançar só de camisola, bem agarradinhos, é uma delícia. Num dia bem frio, já estava deitada com meu marido. De repente, ele se levantou e ligou o som com uma música bem sexy. Foi até a cama e me puxou (nem tive tempo de reagir) e começamos a dançar, bem coladinhos. Antes da música acabar, já tínhamos voltado para a cama. Só que, desta vez, dispensamos o edredon. 
      36. Gosto quando o cara me deixa ficar por cima durante toda a transa. Melhor ainda quando ele me deixa fazer as coisas no meu ritmo e dá sinais de que está curtindo.

      37. Iniciativas ousadas são sempre as melhores, mas o cara precisa segurar a onda e insistir. Teve um dia que fui a um bar e fiquei trocando olhares com o vocalista da banda que estava tocando. Num dos intervalos, a gente se encontrou na pista, ele me reconheceu e, num puxão forte, segurou no meu braço e me levou até o banheiro de deficientes. O perigo de sermos descobertos transformou aquela rapidinha numa transa inesquecível.

      38. Odeio calcinhas que marcam a roupa e, às vezes, saio sem. Numa ocasião dessas, coloquei uma saia e, no restaurante, avisei meu namorado que estava sem roupa íntima. Ele foi o máximo! Com muito cuidado, aproximou a cadeira da mesa, levantou a perna e começou a se esfregar em mim. Mas me fiz de difícil e fiz com que ele esperasse pela refeição completa, com direito a duas sobremesas - a segunda, no motel0.

      39. Meu namorado é super-romântico e adora levar meu café-da-manhã na cama, quando dormimos juntos. Teve um dia, que ele preparou o meu suco preferido: abacaxi com hortelã e, na hora de pôr a bandeja no meu colo, acabou derrubando tudo em cima de mim. Em poucos segundos, ele resolveu a situação e, com muita disposição, começou a lamber todo o líquido derramado.

      40. Eu sou vidrada em tatuagens, mas meu namorado detesta. Um dia, no entanto, ele me surpreendeu. Chegou em casa dizendo que tinha feito duas, bem pequeninhas, em lugares inusitados. Para encontrar, eu ia dizendo as regiões do corpo e ele respondia se estava quente ou frio. Quando a temperatura subia, ele me recompensava com bons amassos até que, no final, desisti de descobrir onde estavam as tatuagens. Chegar perto ficou muito mais divertido. 
      Sexo
      41. Na maioria dos meus looks, incluo uma meia-calça - uma peça simples que deixa as pernas muito mais sensuais, na minha opinião. Mas meu namorado detesta e nem encosta nas minhas pernas quando estou de meia. Num dia de revolta, ele partiu para cima de mim no carro e rasgou a meia inteira com as mãos. Fiquei boquiaberta e reagi na hora, precisamos até parar no acostamento.

      42. Gosto muito de brincar com aqueles dadinhos do amor. Minha melhor experiência aconteceu quando meu namorado levou um amigo para jogar com a gente e me deixou livre para escolher com qual dos dois queria cumprir o destino surgido a cada arremesso. Nossa relação ficou muito mais forte depois daquele dia.

      43. Tive um ex que me achava parecida com a Mel Lisboa, que eu acho linda. Num dia, ele apareceu em casa com a Playboy dela e sugeriu que a gente imitasse as poses da revista. Para ele me fotografar. Fiquei me sentindo uma diva

      .44. Provocar (e ver que as provocações estão surtindo efeito) é uma das melhores sensações de esquenta. Depois do banho, levo horas passando cremes pelo corpo e, quando meu namorado está em casa, façoisso em posições para lá de insinuantes. Vou às estrelas no momento em que ele não agüenta mais olhar e parte para cima.

      45
      . No meu caso, paciência é fundamental. Na primeira vez que saí com meu atual namorado, foi incrível: a gente tomou um banho delicioso na hidro, com muita espuma, depois ele fez massagem no meu corpo todo e, quando a gente não aguentava mais segurar, ficamos juntos. Foi a melhor noite da minha vida. 
      46. Preciso sentir o cara por inteiro junto comigo. Adoro quando, em vez de ficar passeando com a mão, ele segura firme na minha cintura e vai apertando e soltando meu quadril de acordo com os movimentos que a gente faz.

      47
      . Homem que grita ou fala palavrão na cama é um horror. Adoro quando o cara sabe falar umas sacanagens, mas tem que ser baixinho e no meu ouvido. Uns gemidos na hora certa também empolgam.

      48. Sugerir novas posições é um jeito diferente de mostrar que está a fim. Para mim, quando o cara faz isso, mostra que ficou pensando no momento que a gente ia ficar juntos de novo e arrumou uma maneira de transformar aquilo num encontro único. Ah, mas não precisa ser uma pose de contorcionista ou a gente corre o risco de se machucar e acabar não fazendo a parte mais divertida do exercício.

      49
      . Alguns sabores abrem o apetite. Na minha lista, chocolate e champagne estão no topo. Uma calda bem cremosa, espalhada pelo corpo, atiça qualquer libido. E a bebida mata a sede, depois do esforço.

      50
      . Ganhar presentes é ótimo em qualquer situação, mas receber um conjunto de lingerie ou uma camisola supersexy (e ter a chance usar em seguida) é uma delícia. Meu namorado sempre faz isso e já sabe vestir e arrancar meus sutiãs melhor do que eu. 
      51. Perfumes me deixam louca, adoro quando dou a sorte de ficar com um cara muito cheiroso que, só de me abraçar, já transfere aquele cheiro para mim. Grudo nele e só me separo quando o suor é tanto que não conseguimos mais ficar agarrados.

      52
      . A nuca, para mim, é uma zona mágica. Meu namorado já descobriu e aproveita. Ás vezes, estamos num bar e ele esfrega um copo com drink bem gelado no meu pescoço. Fico toda arrepiada. A seqüência inclui esfregadinhas com os dedos até chegar no delírio absoluto, quando ele me beija com todos movimentos e velocidades possíveis de que uma língua é capaz.

      53. Fico superexcitada quando, antes de transar, meu namorado permite que eu fique me arrastando inteira sobre o corpo dele, sentindo o toque das pernas, do peito, dos braços com outras partes do meu corpo, além da mão. São outros tipos de toque, que revelam o grau da nossaintimidade.

      54. Gosto quando dou sorte de sair com caras que não tenham preconceito quando a mulher toma a iniciativa. Meu ex-namorado sempre elogiava minha ousadia e, com isso, eu vivia pesquisando coisas novas para a gente experimentar.

      55.
      Viver personagens na cama me leva à loucura. Usando fantasias e sendo chamada por um nome que não é meu, adquiro uma personalidade nova e fico muito mais descontraída. Mas prefiro quando o homem toma a iniciativa e providencia todos os preparativos.
      56. Adoro dar ordens e ser obedecida, claro. Na hora H, meu namorado segue direitinho a minha cartilha, beijando, apalpando e esfregando onde eu quero e do jeito que eu peço.

      57. Deixar o computador num ângulo em que a webcam possa captar todas as nossas pegadas me deixa louca. Costumo gravar tudo e assistir em seguida. É ótimo para aprimorar o desempenho - e para receber elogios também.

      58
      . Acho as velas um item bastante romântico, gosto de transar com a luz apagada e algumas chamas espalhadas pelo quarto, em locais estratégicos. Quando o clima está pegando fogo, vou ao delírio se o cara pega uma delas e pinga umas gotinhas de cêra na minha barriga ou nas minhas costas. Mas tem que ser de surpresa para fazer efeito

      59. Um bom colo, com carinho e uma pegada forte, é meio caminho andado para uma transa inesquecível. Se o cara tiver mesmo a manha, tudo se resolve ali mesmo, sentados (e com muito conforto).

      60. O meu maior afrodisíaco chama-se ciúmes. Ainda não consegui ficar com nenhum cara que topasse outro homem na nossa cama. Então, normalmente, faço a festa quando meu namorado aceita que eu fique usando uns brinquedinhos na frente. Se ele me der uma mãozinha, então... 
      sexo
      61. Este é meu teste para saber se vale a pena investir no cara. A gente começa as preliminares na sala e, enquanto isso, deixo o ar condicionado do quarto no mínimo. Quando nós dois já estamos para explodir, arrasto ele para a cama e continuamos o namoro por lá. No meu teste, são aprovados os homens que não me deixam sentir frio.

      62
      . Em casa, meu namorado dorme separado de mim por impsição dos meus pais. Mas, no meio da noite, ele escapa e vem parar na minha cama. Transamos sem fazer o menor ruído. A sensação de perigo e a obrigação de ficar quietos aumentam nossa tensão - e o meu tesão.

      63. Uma mordida no lugar certo é uma delícia, desperta um instinto animal que, normalmente, eu não revelo nem sob pressão. Onde é o lugar certo? Dependo do cara e da posição em que ele me pega.

      64. Bancar a streaper é muito legal, desde que o cara aceite as regras e espere o momento de agir. Vale rebolar na frente dele, esfregar as pernas e insinuar depravações. Mas ele tem que assistir a tudo quietinho. Quando eu também não agüento mais esperar, dou o sinal verde.

      65. Depois que consigo intimidade, gosto de amarrar as mãos dele e as minhas. Assim, sem o apoio delas, temos de dar um jeito de encontrar um encaixe que funcione perfeitamente. Até hoje, nunca falhou. 
      Provocar é uma das melhores sensações de esquenta.
      66. Aguçar a percepção dele é diversão certa na minha cama. Coloco uma faixa nos olhos dele e deixo uma série de frutas, sucos e comidinhas por perto. Passo os ingredientes no meu corpo e peço que ele prove. Até adivinhar que sabor está degustando. Depois disso, é a vez de estimular o meu tato.

      Fico com os olhos vendados e ele desliza, pelo meu corpo todo, esponjinhas, toalhas e tecidos umedecidos numa solução de água morna e essências perfumadas.

      67. Contos eróticos são munição certa para a nossa imaginação. Gosto quando, à noite, meu namorado abre um dos meus livros (tenho pilhas deles) e começa a ler um trecho. A gente começa mordendo os lábios, vai chegando mais perto, mexendo as mãos... mas só deixo que ele parta para a definitiva quando o capítulo termina - a essa altura, já estou a mil quilômetros por segundo.

      68. Sem pressa, é o máximo quando meu namorado consegue tirar minha roupa só usando a boca e os dentes. Para deixá-lo mais animadinho, prefiro usar uma saia nesses dias - afinal, se o desespero for muito (ou a habilidade for pouca), conseguimos continuar a aventura sem decepção.

      69. Verdade imbatível: adoro os homens que são (ou parecem) insaciáveis. Não existe nada pior do que o terrível cigarro com soninho após uma transa, por mais maravilhosa que seja. Se o cara cansar mesmo, que pelo menos guarde o mínimo de energia para fazer carinho em mim, até que dois adormeçam.
      Do http://msn.minhavida.com.br/conteudo/707-69-dicas-de-arromba-para-fazer-sua-mulher-delirar-na-cama.htm

      Saibam, homens, que o mesmo esperamos de vocês.

      O que os homens esperam das mulheres na hora do sexo?

      O jogo do amor deve ter fantasias e companheirismo

      Por Especialistas

      Mulheres querem respeito, carinho, dedicação, educação, amor, sinceridade, etc... Mas como sabemos, sem a atração física e a paixão a pessoa seria apenas um amigo. Mas e os homens, o que eles desejam e esperam de uma mulher?

      Muitas pesquisas foram realizadas no mundo e os resultados vêm a seguir:

      O que você (homem) espera de uma mulher no relacionamento?
      Honestidade e comunicação aberta falando o que pensa; emoção, firmeza, flexibilidade e romantismo; inteligência nos atos do dia a dia para evitar o desgaste da rotina; ter um companheirismo sem cobranças; ter a capacidade de ser criança, mãe e amante ao mesmo tempo; saber organizar e dividir o tempo para as coisas de seu homem, filhos, da família,e também entre estudo, trabalho, lar e amigos.

      O que você (homem) acha sexy em uma mulher?
      Os olhos; lábios provocantes; bom senso de humor; pernas e seios bonitos; firmeza muscular; como andam e balançam os cabelos; vestimentas que mostram as suas curvas; o seu cheiro; ela sentir-se a melhor amante do mundo, etc.

      E sexualmente, o que faz uma mulher ser uma boa parceira sexual e o que você espera dela?
      Adoro ser seduzido; saiba usar a linguagem do corpo e me faça estremecer com toques; não ter vergonha de experimentar (um número cada vez maior de homens está se dando conta de que sente prazer em ser seduzido).  
      Porém poucos homens têm a coragem de pedir a uma mulher que conduza o sexo, principalmente se não for uma parceira na qual ele se sinta seguro e à vontade na intimidade. Na verdade, como o homem teme ser rejeitado sexualmente, levar um "não" ou achar que não está desempenhando o papel de "homem de verdade", faz com que ele omita sua vontade de ser dominado sexualmente. Se não diz, a mulher fica com receio de arriscar uma ousadia.

      A mulher assumindo o controle do sexo , uma vez ou outra, vai oferecer um estimulante poderoso para a fantasia sexual masculina, pois vai ver que isso faz parte dos seus delírios sexuais, ainda que nem sempre dito por ele. O jogo do amor deve sempre ter muita fantasia, criatividade nos toques e posições sexuais, cumplicidade e muito sentimento. 
      Do que os homens mais gostam nas mulheres?
      Bom humor; sensualidade; sensibilidade; maneira carinhosa de ser; maneira cuidadosa e delicada de falar, andar, comunicar-se; firmeza de caráter; inteligência; fogosidade sexual; sociabilidade, charme e beleza; amizade; da sua forma forte de vencer adversidades, de adaptar-se a dificuldades e sair delas rapidamente; de sua maneira sutil e franca de dizer as coisas; e lógico de sua capacidade de manter os gastos dentro de patamares que não o leve à falência. 
      Eles gostam daquela mulher que sabe o que pode comprar; que vibra tanto com uma singela rosa quanto com um colar de diamantes; que quando doente, não se afasta de seu leito; que quando ele não está, é mãe, pai e chefe de família sem perder a feminilidade; que quando ele encontra-se indisposto, faz-lhe uma massagem e toma-o no colo; que diz que ele é o melhor amante do mundo, e que de todos os homens da Terra, é o mais viril.

      Em resumo, os homens querem uma mulher companheira, parceira, esposa e amante.
      Do http://msn.minhavida.com.br/conteudo/11401-O-que-os-homens-esperam-das-mulheres-na-hora-do-sexo.htm

      Faça amor por você!

      Oito benefícios do sexo para a saúde

      Vida sexual ativa alivia dores, melhora o sono e estimula a longevidade

      Por Minha Vida
      Que o sexo te faz bem, isso você já notou. O orgasmo, por exemplo, é uma das sensações mais íntimas e deliciosas para homens e mulheres e é muito mais do que sinal do sucesso de uma relação sexual. A cada dia, os cientistas descobrem novos efeitos desta reação orgânica que, além de melhorar as emoções, faz muito pela sua saúde. "O orgasmo contribui para que homens e mulheres vivam com mais qualidade, trata-se de um momento de prazer que reverbera por vários dias", afirma o ginecologista Neucenir Gallani, da clínica SYMCO.

      Porém, apesar de proporcionar prazer e qualidade de vida, uma pesquisa feita pela Universidade de São Paulo (USP) revelou que 70 % dos brasileiros fazem menos sexo do que declaram em conversas e pesquisas públicas. Por isso, o Minha Vida estimula você a melhorar essa situação trazendo o que a ciência e os especialistas andam dizendo por aí sobre os benefícios que uma vida sexual ativa trazem ao corpo. Confira:  
      sexo - foto: getty images
      1. Alivia as crises de enxaquecas
      Quando seu parceiro reclamar, dizendo que não quer sexo porque está com dor de cabeça, reverta a desculpa a favor da saúde dele. Segundo o médico Neucenir Gallani, o orgasmo libera substâncias, como as endorfinas, que atuam no sistema nervoso. "Elas diminuem a sensibilidade à dor, relaxando a musculatura e melhorando o humor", afirma.

      2. Melhora o aspecto da pele
      Fazer sexo, principalmente no período da manhã, é um poderoso aliado da beleza para manter a juventude. Essa foi a conclusão de um estudo, realizado por cientistas da Universidade Queens (Reino Unido). De acordo com os pesquisadores, atingir o orgasmo aumenta os níveis de estrogênio, testosterona e de outros hormônios ligados ao brilho e a textura da pele e dos cabelos. Além disso, quando há o orgasmo, ocorre uma vasodilatação superficial dos vasos, até aumentando a temperatura em algumas pessoas. Com isso, a pele ganha uma aparência mais viçosa, e o brilho natural dela fica em destaque.
      3. Alivia as cólicas da TPM
      O ginecologista Neucenir Gallani faz questão de reforçar que isso não é uma regra, mas acontece com algumas mulheres. Os movimentos realizados durante o sexo estimulam os órgãos internos, que ficam mais relaxados e, com isso, há diminuição das dores que incomodam seu bem-estar nos dias antes da menstruação. "Mas há mulheres que, na fase pré-menstrual, não têm disposição para o sexo e forçar a barra pode ser pior", diz o ginecologista.

      4. Melhora o sono
      O relaxamento que o orgasmo traz contribui para que você durma melhor, e não apenas no dias em que houver sexo. A reação tem efeito prolongado, devido a ação dos neurotransmissores que passam a agir no seu organismo com mais regularidade e numa quantidade maior.
      casal dormindo - foto: getty images
      5. Diminui o estresse
      O médico faz questão de ressaltar que o orgasmo não deve ser encarado como um remédio calmante, mas como parte de uma relação afetiva que traz prazer. Quando isso acontece, os níveis de estresse tendem a diminuir não só pela estabilidade emocional, mas também porque os chamados hormônios do estresse, como o cortisol, apresentam atividade reduzida. Quem trouxe essa novidade foi um estudo escocês recém-publicado na revista Biological Psychology.

      6. Diminui os riscos de infarto
      Um estudo da Universidade de Bristol, na Grã-Bretanha, realizado com mais de 3 mil homens de 45 a 59 anos, concluiu, após 20 anos, que o sexo frequente pode reduzir o risco de infartos fatais e de derrames. De acordo com as conclusões da pesquisa, a morte súbita causada por problemas de coração é mais comum entre homens que afirmam ter níveis baixos ou moderados de atividade sexual. 

      7. Queima calorias
      Segundo a Associação Americana de Educadores e Terapeutas Sexuais, a atividade sexual pode ser um ótimo exercício para o corpo. Isso porque meia hora de sexo queimam, em média, 85 calorias. Portanto, se você está sem paciência para ir à academia, que tal optar pelo plano B?

      8. Aumenta a imunidade
      Um estudo feito pela Wilkes University, nos Estados Unidos, mostrou que uma vida sexual ativa aumenta os níveis de um anticorpo conhecido como IgA , responsável pela proteção do organismo de infecções, gripes e resfriados. 
      Do http://msn.minhavida.com.br/conteudo/11730-Oito-beneficios-do-sexo-para-a-saude.htm